Rede Tenis Brasil

A importância do cuidado na formação de tenistas

A temporada 2024 de tênis tende a ter um dos maiores calendários, de acordo com a Confederação Brasileira de Tênis (CBT).

O calendário robusto tem tudo para impactar o projeto do qual faço parte, o Rede Tênis Brasil (RTB). Entramos no terceiro ano do Time RTB com uma equipe formada por 16 atletas juvenis, com idade a partir dos 13 anos, que já dão seus primeiros passos rumo ao tênis profissional. E, por falar em início de carreira, fica cada vez mais evidente o caminho que devemos seguir.

Tem uma frase que gosto muito que diz o seguinte: “É legal ser importante, mas é mais importante ser legal”. Ela se aplica a nossa filosofia. É óbvio que queremos ganhar, mas o nosso maior objetivo é desenvolver os jogadores, tanto com valores tenísticos quanto com valores fora da quadra.

Em resumo, nosso foco é – e sempre será – o processo formativo dos tenistas, seja dentro, seja fora das quadras.

Os nossos jogadores serão tão bons quantos os nossos treinadores. Por isso, a importância da capacitação dos nossos treinadores. A equipe multidisciplinar que cuida do Time RTB, por exemplo, é formada por profissionais renomados, nacional e internacionalmente, em suas respectivas funções, que realizam um trabalho humanizado e adequado para cada jogador, além de ser uma excelente oportunidade para os nossos treinadores se aproximarem da elite do tênis mundial como com Jose Higueras, Marc Kovacs, entre outros.

O nosso desafio como um todo está em criar um ambiente competitivo saudável, de um puxar o outro, de buscar excelência por meios nobres. Que os nossos tenistas aproveitem tudo isso, se desenvolvam e comprem os valores e filosofias que tentamos passar a eles.

Vale destacar ainda a presença de Bia Haddad Maia como embaixadora. Mais do que servir como inspiração para a futura geração de tenistas, a número 13 do mundo ajuda a fomentar o esporte. A presença dela traz luz para a prática e para o trabalho que realizamos, que visa democratizar o acesso ao tênis ao apresentar a modalidade em escolas públicas.

Prova desse cuidado é que, apenas em 2023, proporcionamos, através do nosso projeto social, o primeiro contato com o tênis para mais de 20 mil crianças do ensino público em dez Estados mais o Distrito Federal, contabilizando 28 cidades das cinco regiões do Brasil. Na segunda fase do projeto, mais de mil crianças fizeram aulas gratuitas em quadras de tênis toda semana, sendo que 100 delas foram selecionadas para formar uma base de futuros talentos.

Cada um desses pontos permeiam o trabalho do RTB. Aqui, a paixão pelo tênis e o compromisso com a educação se unem para criar um futuro brilhante para crianças e jovens em situação de vulnerabilidade no Brasil e, assim, desenvolver cidadãos que se tornem protagonistas e que promovam impactos positivos em suas comunidades.

É isso que almejo para os atletas que compõem o Time RTB deste ano. São eles: Ana Cruz, Gabriela Félix, Gustavo Albieri, Henrique Queiroz, Kiko D’Amorim, Livas Damazio, Lucas Moscatto, Luis Augusto Miguel, Nauhany Silva, Nicolas Oliveira, Olivia Carneiro, Pedro Chabalgoity, Pedro Dietrich, Pedro Rodrigues, Pietra Rivoli e Victor Winheski.

Começamos o ano com bons resultados e boas performances. Esperamos que esse continue sendo o nosso norte. Vamos seguir com o trabalho já desenvolvido, buscando sempre o crescimento sustentável. Assim teremos mais acesso, mais educação, mais transformação e mais impacto, criando um ecossistema vitorioso para o tênis e para o esporte brasileiro.

Como sempre digo, o nome desse esporte é melhorar!

Uma boa temporada para todos!

Léo Azevedo é diretor-técnico do Rede Tênis Brasil (RTB). Foi treinador olímpico do Brasil em Pequim (2008), bem como treinador na United States Tennis Association (USTA), Federação Escocesa, BTT e Equelite na Espanha. Além de seu reconhecido trabalho na base do tênis internacional, treinou alguns ex-top 100, a exemplo de Flávio Saretta, Ricardo Mello, Thomaz Bellucci e os norte-americanos Donald Young e Taylor Dent.

Tags :

Compartilhar

Leia também

Skip to content